quinta-feira, 19 de junho de 2008

"Cos I'll just make the same mistake again"

“Hoje acordei com vontade de sumir do mundo, esquecer de tudo...” o dia começou mais ou menos assim. Por quê?? Ah! Se eu soubesse.

Não sei o que foi mais sei que tem dias que a gente acorda sei lá, meio jururu, com vontade de sumir. É aquele dia que você para pra pensar na vida e não encontra nada positivo.

Como diria Lulu Santos:
“sei lá...
tem dias que a gente olha pra si.
e se pergunta se é mesmo isso aí.
que a gente achou que ia ser
quando a gente crescer
e nossa história de repente ficou
alguma coisa que alguém inventou
a gente não se reconhece ali
no oposto de um déjà vu

sei lá
tem tanta coisa que a gente não diz
e se pergunta se anda feliz
com o rumo que a vida tomou, no trabalho e no amor
se a gente é dono do próprio nariz
ou espelho é que se transformou
a gente não se reconhece ali”

Mas eu parei para analisar minha vida nesse momento, crise certa do 3º ano, tem até nome, acontece sempre com todo mundo. Mas daí eu percebi que todos os meus problemas foram gerados por mim. Pura e simplesmente resolvo todos os meus problemas, não! As coisas são um pouco mais complicadas. Achar a causa não significa achar a solução.

Causa e solução são coisas distintas, mas reconhecer as causas já sé um grande passo!
Objeto em Estudo: Eu
Sintomas: desespero, tristeza, preguiça e falta de motivação
Causas: timidez emocional, medo de perder o controle da situação e empatia exagerada
Detalhes:
  • Timidez emocional: o fato do objeto em questão não falar em nenhum momento, para ninguém sobre sua vida e seus sentimentos tem o sufocado e causado problemas maiores como não realização de vontades. Projetos adiados e oportunidades perdidas têm se tornado freqüentes.

  • Medo de perder o controle: objeto extremamente preocupado com a perfeição. Odeia perder o controle da sua vida e gosta de ter o controle de tudo, pois acredita que sem isso ficaria perdida. Efeito colateral: por isso não bebe e não se entrega a relacionamentos. Criou um muro tão alto em volta que agora perdeu a saída, sabe que é necessário sair, mais não consegue. Cansada de ver oportunidades sendo perdidas e pessoas importantes se afastando e não faz nada. Fica trancada pra dentro do seu mundo.

  • Empatia exagerada: o objeto em questão pensa demais nos outros se anulando muitas vezes. Faz muito pelos outros e só se dá mal. Não que deva para de ajudar, mais deve continuar com limites.

Acho que isso explica muita coisa. E o incrível de tudo isso, é que hoje eu nem estou mais triste. Tô sei lá, na V.I.B.E., como dizem por aí.... Vivendo. Feliz até.

O remédio foi não pensar! Não pensar naquele momento perdido, naquela amiga que foi embora, naquele cara que era perfeito, nas vezes que não fez nada, nas que fez demais. “O que passou, passou como o ditado diz”. Pensar no que não foi feito dói demais. É a USP que eu não fui, o telefonema que não dei, o convite que recusei. Esquecer de tudo é a solução.

VIDA NOVA! E Bora estudar finanças!!!

2 comentários:

anja_palma disse...

miga linda!!!!!!!!!!!!!!



Q per q tá seu blog!!!!!!!!!!!!!!!

Bora espantar essa agonia q anda habitando seu SERZINHU!!!

miga.... querendo ou não:

* as provas já estão aí!
* o dia dos namorados já passou!
* a gente é foda (pode não acreditar, mas mts queriam sofrer dessa agonia q a gent sofre)!
* nossa turma te o nome q a gent quer!
* nossa família tá do nosso lado (por mais q tem horas q parece q td vira às avessas!)
* faltam só + 10 dias pra essa agonia akbar e vc volta pra sjc!
* empatia?!?! nem é tão ruim assim! q seria d mim se num fosse a sua famosa empatia!



Sério mesm (DE VERDADE) agradeço a Deus tds os dias por ter você como minha irmã nega de itajubá!!!


fik agoniada não, q vc sab q eu fico tb!!!!

bj

fik com Deus...


agora vou começar a acompanhar + esse blog!!!!

Rui disse...

Eita! Texto massa!!
Tenho uma solução! Arrisque-se! Dar com a cara na porta, nem sempre é ruim, serve para aprender! Se vc não tentar, ninguém vai ficar ao lado da sua cama dizendo para vc "minha filha, vc tem q fazer sim, vai, vc consegue!"
Vão te dizer isso sim mas vc tem q sair da parede q a cerca! Tá muito alto pra pular, bora pegar uma pá e começar a cavar, faça um túnel e sai!
ARRISQUE-SE!!
Beijo!