terça-feira, 30 de março de 2010

"Por mais que o mundo dê voltas em torno do sol..."

Ontem a Lua estava cheia demais! Ontem, acho que ela foi a única coisa que era demais e que deu certo. A vida cheia demais me enlouquece, a preguiça demais me impede de retomar a forma que a comida demais me deu. As lágrimas demais caem já sem motivo e os sorrisos demais ficam reservados para poucas horas na semana.

A solidão demais me mostra o que eu não quero ver, pessoas demais pelo caminho me deixam atordoada. Trabalho demais me deixa cansada, faculdade demais me tira o sono. Tudo parecia demais ontem, menos a lua, que por mais que era cheia, era linda.

Na solidão de ser lua, ela ri da gente com a felicidade de quem não precisa acordar cedo para viver a vida. Mais também, na solidão de ser lua, não vive com a intensidade de quem sabe vive-la. Lá de cima sofre ao ver todos aqui na Terra sorrindo, cantando, chorando e o escambal.

Mais com a lua cheia, a vida cheia e a cabeça cheia, estava decidida a sair, correr até ficar sem fôlego, andar o mais rápido possível. E saí, sem rumo, na hora onde a pista de caminhada é a mais concorrida, e entre carros e pessoas, bicicletas e estudantes eu simplesmente fui. Com a música alta e a solidão de quem quer ficar sozinha, andei, andei, andei.

E fez bem... Às vezes a gente só precisa de um tempinho com a gente mesmo, sem ninguém pra dar palpite, sem pensar em muita coisa. Às vezes a gente só precisa andar, a toa, até cansar. Para depois voltar tudo como estava, mais sei lá, diferente.

Assim com a lua que a casa fase muda de rosto, a gente tem que mudar também, mudar para sobreviver,para viver mais feliz. Sem a mudança tudo se torna igual, monótono e extremamente chato. Saia da rotina as vezes, nem que seja mudando a marca do pão de forma. Mude seu caminho, arrumo novos amigos, aprenda coisas novas.

E depois de tudo isso aprendei que esse é o texto mais clichê que á escrevi... Logo eu, que odeio livros de auto-ajuda... É, a vida é assim....

3 comentários:

Fazendo Diferente disse...

Oh, Thaís, que texto você escreveu!Inédito. Muito criativo. Gostei profundamente

Mattheus Rocha disse...

Não sei se você usou a lua apenas de forma metafórica, mas ontem ela estava lindíssima.

Thaís disse...

Oi Mattheus... ela estava linda mesmo, enorme e branca...cheissíma!! =)